Blocos de Geoespumas

Já ouviu falar das geoespumas? O post de hoje vai esclarecer alguns detalhes sobre esse artifício utilizado para minimizar assentamentos em solos compressíveis.

As geoespumas são geossintéticos compostos por poliestireno expandido ou poliestireno extrudido, geralmente disponíveis em blocos leves. São utilizadas tradicionalmente tanto para isolamento térmico de edifícios como em aplicações geotécnicas, tais como o enchimento de aterros ou como interface compressível em fundações e muros de suporte.

geoespuma-assentamentos-solos-compressiveis-01

Alguns investigadores da Faculdade de Engenharia da Universidade do Texas  estão estudando   alternativas para reduzir as deformações que surgem de assentamentos diferenciais, em estruturas construídas sobre solos moles e compressíveis. Uma das soluções que está proporcionando melhores resultados é a utilização de blocos de grandes dimensões de geoespuma, que são aplicados como camada intermediária entre a estrutura e o terreno.

Apesar dos blocos de geoespumas serem  potencialmente aplicáveis a outros tipos de estruturas de Engenharia Civil, o estudo da Universidade do Texas se limitou as  infraestruturas rodoviárias e em particular na zona de transição, em segmento corrente de autoestradas, entre a plataforma viária e as obras de arte (pontes, túneis, viadutos e estruturas de construção civil em geral). O motivo dessa especificidade do estudo é que  uma grande percentagem  dos entornos das  52 mil obras de arte rodoviárias do Estado do Texas sofre de problemas relacionados com assentamentos diferenciais.

11357845_392751604253470_1010517444_n

Nos trechos onde os teste foram executados, os blocos foram distribuídos em várias camadas por toda a plataforma, sendo posteriormente recobertos com solo. Em seguida o solo foi compactado e foram executadas as camadas de pavimento. O estudo foi financiado pelo Departamento de Transportes do Texas e permitiu concluir que a utilização de blocos de geoespuma é o método que permite obter melhores resultados para as características geológicas e de tráfego do Norte do Texas.

Fonte: EngenhariaCivil.com e MinutoEngenharia

Anúncios

Um pensamento sobre “Blocos de Geoespumas

  1. Pingback: Blocos de Geoespumas | ENGEFROM ENGENHARIA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s