Hábitos que podem aumentar o seu QI

quarta universitaria

Por Natália Resende

Aprender rápido, decorar informações com facilidade, ter um raciocínio lógico afiado, isso é que nós todos queremos, o que podemos chamar de “ficar mais inteligentes”. Mas será que possível? A resposta segundo algumas pesquisas é que, sim, nós podemos aumentar nosso QI, índice que avalia nosso coeficiente de inteligência, e a variação pode ser bem significativa.

Mas é importante tomar cuidado porque a variação pode ser tanto positiva quanto negativa, podendo aumentar 21 pontos em 4 anos, ou até diminuir 18 e isso pode ser reflexo de alguns hábitos e práticas do nosso dia a dia. Entenda como funciona esse aumento de inteligência e o que você pode fazer para aumentar seu QI:

Como o exercício da mente influencia no QI?

Pesquisadores comprovaram por meio de imagens obtidas por ressonância magnética que atividades que estimulam o cérebro tem influência na sua anatomia aumentando o QI e o contrário, a falta dessas atividades pode levar à redução da inteligência! Analogamente, é o mesmo que ocorre com os músculos, que se atrofiam ou se desenvolvem dependendo do nível de atividade física, com  o cérebro a reação é ao exercício mental.

Outra descoberta importante é sobre a influência da memória de curto prazo no aumento da inteligência. Após serem expostos a exercícios de raciocínio um grupo de voluntários apresentou aumento da forma mais pura de poder cerebral, a inteligência fluida – a capacidade de raciocinar e resolver problemas de forma independente do conhecimento existente. Assim, não subestime o poder desse tipo de atividade.

Que hábitos podem aumentar o QI?

Não pense que alimentos milagrosos vão te tornar mais inteligente sem nenhum esforço, porque provavelmente não vão mesmo. Um ganho eficaz depende de treinamento intensivo. 

1. Preste mais atenção

Classroom-Management2

 Prestar atenção é uma forma de estimular o cérebro e pode aumentar o Q.I. Se você não está realmente atento à atividade que está realizando pouco vai ser o seu aprendizado com ela. O nível de concentração é estimulado pela dopamina, substância presente em medicamentos estimulantes.

2. Aprenda um segundo idioma

paises

Quando o cérebro fluente em dois idiomas escolhe, digamos, entre inglês e francês, os circuitos corticais que guardam as duas línguas são ativados. O córtex pré‑frontal, então, tem de se intrometer para escolher a palavra certa: man ou homme? O exercício que o córtex pré-frontal faz no bilinguismo se transmite a outras funções e aprimora habilidades que aumentam o Q.I., como a solução de problemas e a mudança de atenção.

3. Escolha uma atividade profissional desafiadora

MessyDesk1

Um estudo realizado durante 30 anos pelo National Institute of Mental Health americano concluiu que profissionais que desempenham atividades complexas, resolvem problemas difíceis no dia-a-dia ou lidam com pessoas de forma elaborada tendem a ter melhores resultados nos testes de QI. Enquanto aqueles que realizam um trabalho simples, que não exige raciocínio, tendem a piorar com o tempo.

4. Tenha um tempo ocioso

pes-rede-mar-436

Isso mesmo, ficar atoa também pode te deixar mais inteligente. Cientistas da Universidade Tohoku, no Japão, mediram o fluxo sanguíneo cerebral de 63 voluntários a quem pediram que mantivessem a mente vazia. Os que tinham maior fluxo de sangue na massa branca que liga os neurônios entre si marcaram mais pontos numa tarefa que lhes exigia a geração rápida de ideias novas. Portanto, ponha de lado o celular e deixe o cérebro ocioso.

5. Estude música

Piano-keys

A música é um excelente estimulo para o cérebro. Uma pesquisa da Universidade de Toronto em Mississauga, no Canadá, apontou que seis anos de estudo de música na infância provocam um aumento médio de 7,5 pontos no QI. Os ganhos são tão significativos para a memória que a melhora atinge outras áreas, quem treina para tocar um instrumento parece ficar mais habilidoso em geometria e a compreender melhor um texto, por exemplo.

6. Estimule seu cérebro com jogos

0225

Jogos de raciocínio podem ocupar seu tempo livre e exercitar sua mente. Sim, os cientistas acreditam que eles de fato funcionam. Você pode jogar jogos de palavras, que aumentam seu vocabulário por exemplo, sudoku ou jogos de lógica que melhoram o racicínio, ou então mesmo os tradicionais jogos de dama e xadrez que exercitam a memória, concentração, lógica, capacidade de avaliação e pensamento analítico.

As atividades são bem simples e os cientistas garantem que funcionam, não custa tentar né? 

Fontes: Ehow, Revista Seleções, Exame, Superinteressante

Anúncios

6 pensamentos sobre “Hábitos que podem aumentar o seu QI

  1. A matéria é boa, mas eu achei que faltou talvez ser mais específico nas dicas: Ficar ocioso por um dia? Uma tarde? Uma hora? Ou um mês? Atividade profissional desafiadora? Todas podem ser, assim como todas podem não ser.

  2. Olá. Conheço uma pessoa que tem um Q.I. bastante elevado e que desenvolveu várias ideias que renderam muito dinheiro. Ele escreveu um livro ensinando o caminho para obter uma mente mais criativa.
    Vale a pena ler, pois são ensinamentos de alguém que realmente desenvolveu um raciocínio mais apurado. O livro é “Inteligência: caminhos para a plenitude”. Aqui está um link com detalhes e vocês podem comprar o livro neste website. Eu recomendo a leitura.
    http://www.sombrasdarealidade.com.br/qi180.htm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s