Vida Universitária: Andar de ônibus

quarta universitaria

onibus

Com o início de mais um período letivo na UFJF,  são retomadas as aulas e toda a rotina da vida de um estudante universitário. Por incrível que pareça, a correria e os incovenientes ônibus lotados (marcantes nessa fase da vida), podem contribuir para o desenvolvimento de habilidades ligadas ao comportamento social e crescimento pessoal.

1) Paciência

Tudo começa no processo de espera. Você se vê encostado no ponto de ônibus, na esperança de que o veículo passe no horário previsto, o que raramente ocorre. Quando os ônibus resolvem andar em comboio e você perde a sequência, só lhe resta esperar mais 45 minutos pelo próximo, pacientemente.

2) Lidar com a humilhação

correr atras de onibusVem ao longe o ônibus. Você reconhece no letreiro luminoso que é este o “SEU” ônibus. Seu coração acelera. Você corre atrás dele como o Super Mario corre atrás da Princesa. Ele se aproxima e você percebe que o condutor não diminuiu a velocidade. Por algum motivo, o motorista passou direto com direito a um sorriso maroto, apontando para um suposto ônibus que vem atrás. Você fica com cara de tacho e a mão apontando para o nada.

lotado
3) Respeito às diferenças

Quando o “ônibus de trás” finalmente chega, é claro que ele estará parcial ou totalmente lotado. Você se depara com diferentes pessoas, desconhecidas, que se vem obrigadas a dividir o mínimo espaço disponível.  Nessa hora, o ego fica de lado e o bom humor sem dúvida é a melhor forma de lidar com a situação.

4) Altruísmo

preferencialConseguiu acento livre, ótimo! Mas, ainda que contra sua própria vontade, as Leis da Ética de Ônibus dizem que você deve ser educado; ceder seu lugar aos mais velhos, deficientes físicos, gestantes e se oferecer para segurar os livros do estudante que está em pé (sofrendo empurrões e solavancos) ao seu lado. 

5) Capacidade cognitiva e filosófica

janela-de-onibusJanela de ônibus é praticamente a janela de sua alma. Não existe um lugar melhor para refletir sobre sua vida e colocar os pensamentos em ordem. Nem seu travesseiro; nem montes no Himalaia. Você acaba encontrando soluções para seus problemas, resolvendo cálculos complexos e tendo a ideia que faltou naquele brainstorm da reunião.

6) Educação

onibus_lotadoÉ no ônibus que você coloca em prática as palavras mágicas que sua mãe ensinou: “obrigado” (para o motorista, na hora de descer), “por favor”  e principalmente o “COM LICENÇA” (por motivos óbvios).

7) Histórias para contar pros netos
placa-ponto-de-onibusQuem nunca passou por situações exóticas, engraçadas e inusitadas em ônibus? Quem nunca pegou o ônibus errado e foi parar em um lugar estranho? (eu já!)  Quem nunca já sentou ao lado de uma senhora que foi com sua cara e resolveu te aconselhar com muita sabedoria?

Enfim, são situações com as quais aprendemos a lidar no dia-a-dia e que jamais ocorreriam na zona de conforto de um carro. Pense nisso!

Texto adaptado de Fernanda Paiva

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s