Construtor Digital de Casas

Utilizando o chamado D-process e uma máquina CNC uma empresa inglesa está inovando ao fazer casas construídas digitalmente. A máquina CNC é um dispositivo que corta e modela a madeira automaticamente e exatamente de acordo com as especificações de um arquivo CAD. E este processo pode ser usado para construir casas inteiras!

O que é CNC?

A sigla significa “Computer Numerical Control”, em português, Controle Numérico Computadorizado, é um termo muito amplo que serve para uma enorme quantidade de processos e técnicas de produção. A máquina se parece com uma grande impressora, a partir de uma placa pode-se recortar diversas formas com espessuras variadas, é possível também “esculpir” números, e outros entalhes.

D-process x Pré-moldados

Pode-se confundir o D-process com pré-moldados, mas essa tecnologia possui diferenciais importantes.

Diferente das casas pré-fabricadas, onde todos os componentes são construídos em uma fábrica antecipadamente, no D-process simplesmente leva-se a máquina CNC para o local da construção juntamente com as placas de madeira e os componentes são produzidos lá mesmo. Como não há necessidade de uma fábrica os custos são reduzidos.

Também ao contrário das tradicionais casas pré-fabricadas, que tem a reputação de serem frágeis, essas casas são de ótima qualidade, sustentáveis e com projetos inovadores.

Bruce Bell, diretor da empresa pioneira neste processo, explica que o processo CNC existe há cerca de 20 anos, mas seu novo aspecto de programação o tornou bem mais simples e acessível a um público maior. Essa nova geração de produção digital CNC garante muito mais flexibilidade a dá as pessoas chance de inovarem, “O diferencial é que cada construção é completamente diferente da anterior”, diz ele.

O Processo

O processo de criação do projeto é bastante tradicional, os clientes procuram a empresa, que esboça o modelo de acordo com as suas exigências. E então é feito um modelo digital, onde é criado um modelo 3D bastante detalhado com todos os dados da casa.

Todo o processo, desde a fabricação até o acabamento, pode durar até 6 semanas. A etapa de fabricação é um pouco mais demorada do que o processo de encaixe das peças. A equipe resume-se a duas pessoas para operar as máquinas e empilhar os componentes. Além delas, uma equipe de cerca de 4 pessoas realiza a montagem uma vez por semana. “É muito simples, na verdade, é muito pouco tecnológico em relação a sua montagem, mas muito moderno na sua produção”, diz Bruce.

O material utilizado é basicamente a madeira, que é usada para fazer todo o piso, o teto e as paredes, mas, no interior seu aspecto é bastante tradicional com forros de gesso, etc.

A maior preocupação sem dúvida é com a durabilidade das construções, mas quando questionado sobre isso, o diretor é categórico “…alguns dos prédios mais antigos são feitos de madeira e se você olhar para um prédio de tijolos ele tem somente paredes de tijolos com um teto de madeira e se você remover o telhado o edifício vai se deteriorar e desabar em algum momento. Mas qualquer edifício, se você o mantiver adequadamente, ele vai durar para sempre.

Fonte: Humans Invent

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s