7 Maravilhas da Engenharia Moderna! – Parte 1

Você acredita que a ponte mais alta na França atinge mais alto do que a Torre Eiffel, ou que uma única represa na China pode conter 1.4 trilhões de pés cúbicos de água? Cada um dos projetos descritos aqui fixou pelo menos um recorde mundial para a sua altura, escala, ousadia ou engenhosidade. De Veneza a Boston, Egito a Inglaterra, aqui estão sete incríveis maravilhas da engenharia do mundo moderno. Conheçe outros? Adicione à lista abaixo!

Veneza, Itália

Venice Flooded

O Projeto de Barreira de Marés em Veneza será o maior projeto de prevenção de inundações no mundo. O projeto foi debatido de uma forma ou de outra há mais de 40 anos como uma forma de proteger esta histórica cidade-sobre-a-água para as gerações futuras. Com Veneza afundando lentamente, a água em torno dela subindo lentamente, e as inundações sempre a temer, os italianos já sabem há muito tempo que algo precisa ser feito. Finalmente, o primeiro-ministro da Itália aprovou a segunda fase do plano, incluindo 80 barreiras articuladas, cada uma com aproximadamente 6.500 metros quadrados.

Venice Tide Barrier Diagram

Como funciona

O esquema para salvar Veneza, que tem um custo estimado em US$ 7 bilhões (R$ 20,5 bilhões), vem sendo discutido desde 1966, quando uma cheia recorde causou graves danos à cidade.

Após várias inundações, em 1973 o governo italiano declarou que a preservação de Veneza era um assunto de interesse nacional. A definição de um plano de ação, entretanto, exigiu 30 anos de estudos e discussões.

As barreiras terão 28 metros de altura e 5 metros de largura.

Se a maré chegar a um metro além do normal, elas serão ativadas, criando uma represa de 1,5 km de comprimento.

Atualmente, Veneza sofre com inundações durante 200 dias por ano – no começo do século 20 esse número era de apenas sete.

 

Via BBC;

Mais informações National Geographic e Blog Engenharia Civil.

Zhangjiajie, China

Paroramic Shot of Tallest Elevator

Worlds Tallest Exterior Elevator

Mais alto Elevador Exterior do mundo

Construído em 1999, o Bailong se localiza no Parque Nacional de Zhangjiajie, na China. Apontado pelo Guinnes book – o livro dos recordes – como o mais alto e mais pesado elevador do mundo, ele mede 330 m, alcança o topo em menos de dois minutos e pode levar cerca de cinquenta pessoas a cada viagem.

Com mais de 1.000 pés de altura, este elevador eleva-se a meio caminho de uma falésia com vista para um vale lá embaixo. Além disso, o elevador é sobretudo de vidro, proporcionando aos passageiros uma vista estonteante para as profundezas abaixo.

Apesar de toda a beleza e fama conquistada em mais de dez anos de funcionamento, o futuro do elevador é incerto. Organizações de defesa do meio ambiente querem a sua retirada, alegando danos à paisagem do parque nacional.

Por estar encravado sobre a encosta de um enorme penhasco, a supermáquina oferece uma belíssima visão do Zhangjiajie. Veja como é o passeio pelo Bailong:

Via artigo Abravidro.

Mubarak, Egito

Mubrak Pumpting Station Aerial

Mubrak Pumping Station Model

O Projeto Toshka é uma tentativa impressionante de converter meio milhão de hectares de paisagem de deserto em terras aráveis. A Estação de Bombeamento de Mubarak está no centro deste esforço, e vai canalizar milhões de metros cúbicos de água por hora. Ele, em última instância, redirecionará 10% da água do país do Nilo, e aumentará a terra habitável de Egito em até 25%

Mubarak Pumping Station Construction

Características da Obra

O Canal de Toshka é um projecto hídrico que foi impulsionado pelo presidente Hosni Mubarak, com o objectivo de aumentar as superfícies cultivables do Egito. Permite irrigar 500.000 tem com um canal de 320 km de longitude que vai desde o lago Nasser aos lagos do vale de Toshka, e segue pelo deserto do Sahara nunindo vário oásis, desviando o 10% do volume do Nilo. Este projeto substitui outro anterior em que se tinha proposto utilizar depósitos subaquáticos, que se mostraram insuficientes.

Também conhecido como Projecto Novo Vale, o canal foi inaugurado em janeiro de 1997 e foi terminado em 2001 com um custo de 1300 milhões de euros. Aproveita os lagos de Toshka, que se formaram acidentalmente na década de 1990 devido ao nível mais alto do lago Nasser.

A estação de bombeo de Mubarak, a maior do mundo, é a peça central do projeto e foi inaugurada em março de 2005; bombea para Toshka 25 milhões de m³ de água ao dia. A estação principal conta com um encanamento de alimentação de 800 m, e vários ramos adicionais.

Via Encydia

Fonte: 7 Engineering Wonders of the Modern World: Contemporary World Record-Setting Construction

About these ads

2 pensamentos sobre “7 Maravilhas da Engenharia Moderna! – Parte 1

  1. Pingback: Melhores Posts do Setor Imobiliário – 14 a 20/01 | Notícias sobre o mercado imobiliário brasileiro

  2. Pingback: Especial Melhores Posts do Setor Imobiliário – 1 ano - Blog.VivaReal.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s